Corujando » Arquivo » Coluna da Mare #6
coluna category image Coluna da Mare #6 18/03/12 - Comentários

Image and video hosting by TinyPic

Peripécias (des)importantes da vida da Mare e de qualquer outro cidadão. (Você vai acabar se identificando)

Hoje é sexta-feira e eu não tenho absolutamente nada para fazer. Mentira, eu poderia estar revisando meu novo livro, mas preferi me maquiar feito uma diva dos anos 40 e ir na Saraiva tomar um guaravita e ler livros de graça. Também poderia estar lendo o texto da faculdade, mas a verdade é que especificamente hoje nada desperta o meu interesse além de uma bebida e estar com amigos.

Como vocês podem concluir com essa breve narração, eu estou passando o dia forever alone. Acontece.

Quando cheguei em casa, como de costume, vim para o computador bostejar. Porque, é, nenhuma rede social é tão interessante e tem tanto conteúdo para passarmos o tempo todo olhando para ela, mas é o que a maioria de nós acaba fazendo mesmo. E aí eu percebi: TODOS OS MEUS AMIGOS ESTÃO ESTAGIANDO.

Eu deveria ficar feliz por eles – e fico – mas meu lado egoísta fala mais alto: por que diabos eu não arrumo um estágio? Sério, eu olho o meu currículo e fora a minha experiência profissional que é zero, eu tenho mais cursos (de tudo o que você pode imaginar) do que boa parte da população e estudo em uma das melhores faculdades do Rio de Janeiro (e sabemos que do país também. Te amo UFF, beijos). E agora, José?

Eu não sei porque diabos é tão difícil se arrumar estágio em comunicação que não seja em jornalismo (porque eu me recuso a ser escravizada). Há tempos remotos eu tinha a brilhante esperança de estagiar em alguma editora, mas estou quase desistindo. Eu me especializei até não poder mais, fiz diversos cursos de editoração e aparentemente isso não serve para nada. Além da parte irônica: eu sou uma autora, porran! Eles podem me escravizar (que é o que empresas privadas mais gostam de fazer) a vontade que eu farei tudo sorrindo. E olha que a minha Lua em Leão não permite que eu obedeça). Também queria algo em cinema que, vocês sabem, é minha paixão alfa. Mas não rolou.

Está muito complicado hoje em dia. É difícil adivinhar o que as empresas querem além de Q.I. (Quem Indica, clássico). Está difícil de fazer o Sol nascer. Mas, tudo bem, enquanto isso ficarei aqui escrevendo e vendendo meu livros!

Aliás, gostei disso. Farei essa subcoluna na coluna daqui pra frente debatendo temas descaradamente. Nos próximos episódios das Peripécias (des)importantes da vida da Mare falaremos sobre: Preciso casar. O problema das garotas fura-olho. Parem o mundo, tá tudo errado. Meu ex-namorado é um idiota. Ou qualquer assunto (ir)relevante do nosso conturbado cotidiano. Enjoy!




Compartilhar
Postado por:
Mare
Deixe aqui seu comentário!

CommentLuv badge


4 comentários »
May
19/03/2012 às 00:08
Visitante assíduo e já deixou 35 comentários.

Haha, o Q.I. é clássico mesmo, mas com determinação você consegue!

Beijinhos,
May ;*

[Reply]


19/03/2012 às 00:14
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

Ihhhh Mare, é assim mesmo, tem dias que nada nos satisfaz, que tudo é uma bosta, que você pode colocar a roupa mais linda e nada lhe cai bem, mas há dias que vêm para o bem né?

Particularmente comigo, esses são os dias em que fico fixada em arrumar um objetivo para minha vida, trabalho é bem, mesmo que te escravize, porque pensa aí, nessas horas extras em que você ocupa a mente com problemas do trabalho, são horas em que você não está pensando besteira, do tipo: será que ele está afim de mim, porque parece?! … Talvez, na sua área seja mais complicado mesmo.

É bom desabafar mesmo, amiga… soltar o verbo.
Esperando pela subcoluna ansionsamente hihi… amo debates :)

Beijo beijo :*

[Reply]


22/03/2012 às 18:16
Visitante assíduo e já deixou 39 comentários.

Ei Mare!

Ah, odeio quando essas coisas de “por que eles conseguem e eu não?” acontecem. Acho que é uma das piores coisas da vida. Porque ao mesmo tempo em que você quer que seja igual com você também, se sente culpada por estar “invejando” os amigos e até mesmo por estar reclamando da vida que leva,
Mas a vida é assim mesmo, difícil às vezes, muito boa em outras. E assim vamos levando (:
Adorei ;D

Bjoos’
Lets
http://leiauch.blogspot.com.br/

[Reply]


06/04/2012 às 19:05
Você já comentou 2 vezes.

Tava pensando dia deses, ao abrir meu MSN, que a quantidade de pessoas online no MSN é inversamente proporcional a sua idade.
Procurei por estágios desesperadamente ano passado e nada. Resolvi me ‘dedicar aos estudos’ esse ano, e bem, todos os meus amigos começaram a estagiar e ter dinheiro para sair e como não tenho cara de pau e pedir dinheiro a meu pai para badalar, fico forever alone no MSN fantasma na maioria das sextas. hahaha

Adorei a coluna.
A vida é assim, fazer o q?

=*
Lorena R recently posted..Aquela. Ela.My Profile

[Reply]